quarta-feira, 24 de janeiro de 2007

Signature Quilt


Para comemorar meus 10 anos de convivência na internet com artesãs de todos os cantos do mundo criei um signature quilt em 2004. De lá para cá, já consegui trocar cerca de 40 blocos para compor o quilt acima. Agora, para finalizar este lindo trabalho pretendo lançá-lo aqui no meu blog para que você também faça o seu e participe do meu! Todas as informações serão enviads pelo correio, inclusive os bloquinhos. Você pode convidar quem desejar para participar do seu signature quilt: amigas, filhas, amigas virtuais e no final você pode costurar um painel ou um quilt para deixar sobre a cama. O bloquinho é bem fácil e é em foundation. Se você estiver interessada é só deixar um recadinho com seu e-mail que eu entro em breve em contato!
Porque não costurar um trabalho com lembranças de várias pessoas? Abaixo deixo algumas informações preliminares sobre o trabalho, se você quiser participar ou tirar alguma dúvida é só escrever!
Beijos!

Signature Quilt

Informaçõs preliminares:
Tamanho final de cada bloco: 11,5cmm ( 4 ½ polegadas), equivalente a 11,5cm x 11,5 cm aproximadamente
Tamanho final do Quilt: 50 X 50 polegadas, equivalente a 127 X 127 cm aproximadamente

Nota importante: Para a confecção dos blocos é recomendado que os tecidos sejam 100% de algodão, pré-lavados e bem passados. As margens de costura de ¼ e estão incluídas nas instruções de corte.Todas as medidas estão em polegadas. Execute um primeiro bloco para "sentir" o trabalho e corrigir erros para cortar todos os demais tecidos. Qdo finalizar seu bloco, não retire a base do foundation, ela servirá de guia para unir os demais blocos ao quilt.

Construção do bloco:
Para a confecção deste Quilt são necessários um total de 80 blocos e eles serão feitos usando o método de foundation piecing. No projeto original foram utilizados vários tipos de retalhos dando um aspecto bem country. É aconselhável costurar este quilt em estilo scrapy ( ou seja, vários tipos de retalhos combinando-os entre si) se vc estiver trocando blocos com outras pessoas. Neste signature Quilt, você deverá enviar 2 blocos para cada pessoa, e ela lhe enviará também 2 blocos para seu quilt. Dependendo da quantidade de pessoas que lhe enviarem os blocos, será fácil terminá-lo. O ideal é ter no mínimo 40 blocos assinados, os demais, se não conseguir juntá-los ( trocá-los), você deverá costurá-los para completar o trabalho.
Utilize a combinação de cores para que deem um certo contraste. Faça seus dois blocos e troque com suas amigas . Asssim que eu receber seus blocos assinados estarei enviando via Correios uma apostila com o término deste Signature Quilt com uma sugestão para montagem. Qualquer dúvida estou a disposição. Não tenho prazo para receber os blocos, somente me avise se vc deseja participar e se participar, divulgue!. Não esqueça de asssinar os bloquinhos na área 3. Sugiro que utilize uma caneta de tinta permante fina na cor marrom ( Pigma Pen ou similar), mas se não tiver, pode utilizar qualquer outra caneta de tinta permanente. Coloque seu nome, sua cidade, estado e a data. Estou esperando seus bloquinhos! Vamos realizar este trabalho juntas! Qualquer dúvida entre em contato.

sexta-feira, 19 de janeiro de 2007

Boletim de férias...

"Aos companheiros de estrada, um feliz 2007!". Li ontem esta frase em um para choques de caminhão e gostei muito, a todos que me acompanham quero ver feliz porque sou feliz!
Férias até o dia 22 ou até mais um pouquinho... na realidade as férias são do meu marido e para quem conhece "do assunto", é trabalho dobrado em casa, ainda mais sem faxineira há três meses, não tem sido fácil! Fora os pepinos dos familiares.....
Enfim, mais um começo de ano, onde todo mundo faz promessas e quase não as cumpre, dias intermináveis de chuva atrapalhando o passeio de quem pode passear (no fundo, acredito que a chuva não atrapalhe quem viaja, não no meu caso, pois quando fui a Gramado e Orlando nos USA, dos 15 dias 12 passei com chuva intensa!), um monte de coisas para colocar em ordem.... mas somente vou fazer uma promessa para 2007: usar tudo que eu tiver em casa e não comprar sequer 1 metro de tecido para costurar. Preciso tomar vergonha na cara e utilizar tudo que tenho guardado aqui em casa. Munição não faltará com as aulas da Quilt University e os livros da Amazon, fora as revistas Australianas... enfim, 2007 para mim será um ano bem mais tranquilo pois desisti de um monte de coisas que ao meu ver nunca mudarão e não sou eu quem vai carregar o mundo nas costas...principlamente com relação a relacionamentos e grupos na internet!
Em tempo, a linda criaturinha acima é a minha mais nova filha (ou filho, não sabemos pois é necessário um teste de DNA que reluto em fazer porque deve-se arrancar muitas penas da bichinha e acho uma crueldade!). Jackie (este é seu nome) era pra chegar em Março, depois de todas as contas IPVA dos carros e IPTU pagos, mas quando a vi na Cobasi (uma grande loja para animais daqui de SP), sózinha em uma gaiola, olhando com estes olhinhos e toda carequinha (do estresse e também um pouco da genética lutina), fiz das tripas coração para trazê-la para casa, meu marido quase infartou! Rss... ela já está conosco há 16 dias e no princípio nem se mexia na gaiola, hoje come na mão, está alegre e saltitante, adora um espelhinho que o meu gerbil gentilmente cedeu à ela, enfim, uma calopsita lutino muito feliz... ainda bem que só estava a Jackie para vender naquele dia, pois se tivesse mais alguém também viria "no pacote"! Agora tenho mais um trabalho a ser feito antes do inverno: fazer uma capa para o viveiro da Jackie.... e os UFOs vão acumulando-se! Rsss...
Mais uma feira de Patch chegando a Sampa, porém, sem opção de visita no sábado.... estou chegando a conclusão que o mercado brasileiro pensa que patch só faz quem é desocupado e rico.... eita Brasil.... pobre de ti!
Bom, ainda estou de férias, com muita coisa para se fazer... retorno em breve visitando todas (os) vocês!

quarta-feira, 3 de janeiro de 2007

Crochê sem enrolação!

Eu adoro fazer crochê (faço desde meus 7 anos) mas uma coisa que realmente não gosto é quando a linha começa a enrolar toda! E quando o novelo começa a rolar pelo chão então? É um horror! Para os novelos maiores eu tenho um outro novelo "de plástico" da Telanipo. Você coloca o novelo lá dentro como se fosse um tubo e o fio sai por um orifício na extremidade.Rsss.. Aqui no site da Carol Alexander existe algo muito interessante que você pode fazer para acabar com este pesadelo para algum projeto menor. É também uma ótima sugestão.Aproveite também e assine o Newsletter dela. O que poderia ser melhor?