segunda-feira, 30 de julho de 2007

Sacolas Plásticas...


Há tempos que eu já comento com o meu marido de costurar algumas sacolas de lona para não ter que voltar com as sacolas de supermercado. Neste sábado fui até a Cinerama e finalmente encontrei aqui na terra aonde "ninguém nunca viu ou sabe do que se trata" a tal da lonita pra fazer minhas sacolas. O desenho já escolhi do livro da Nancy Easy does it for friends, nem vou pensar muto porque eu acabo nem fazendo, mas vou deixar para casear só para depois de quarta porque amanhã é dia de faxineira e não dá para se fazer nada, peguei as medidas de uma na internet: 48 x 38 x 20, vamos ver se consigo fazê-las e adeus sacolaiada! Uma delas será a amarelinha da esquerda! Vou fazer o fundo com resto de calça jeans rasgadas, aquela que rasgou na exposição do Ayrton Senna! Nem te conto....se fosse em outros empos eu estria chingando até agora! Rsss...

Coisas que eu adoro # 1 - Café com Leite

6:30 da manhã.... abro a janela e já está aquele sol, o sol que faltou durante o final de semana todo! Vou até o quintal dar uma olhada nos bebedouros dos beija-flores, é incrível que no inverno eles conseguem tomar um vidrinho por dia de néctar! O termomêtro do jardim marca 8 graus, felizmente não temos chuva pois a sensação térmica seria muito pior... alimento meus pets e faço a higiene de todos, lá pelas 9 horas chega a hora do café, com leite claro!
Quando eu era criança na lancheira levava duas bolachas com manteiga e uma garrafinha de café com leite, enquanto as outras crianças tinham presunto, queijo e guaraná, era meu café com leite que fazia minha festa! Cresci, fui pra faculdade e o que mais eu sentia falta era do meu café com leite, pegando o trem as 6 da manhã era impossível ter fome a esta hora... daí veio o emprego e a situação piorou. Café com Leite? Eu só via no domingo quando não dormia no serviço!

Agora com a vida mais tranquila, não abro mão de um bom café com leite, de preferência com pão ou torradas bem quentinhas, um bolinho de fubá e geléia de morango. Gosto também de dar uma pitada de gengibre e cardamono... fica uma delícia o café "temperado", experimente jogar duas pitadinhas de canela em pó.... neste friozinho então....

E o café com leite quando viajamos, porque ele tem gosto de infância? A mesa posta toda arrumadinha, aquele quitute que gostávamos está ali, só esperando para ser devorado... junto com os quilinhos a mais depois da viagem.... Gramado que o diga!

Café com leite.... bom dia!

sexta-feira, 27 de julho de 2007

Cópia é diferente de Inspiração...

É com muito prazer que apóio a iniciativa da Lu Gastal em não prestigiar o trabalho de gente que faz cópias discaradamente do trabalho dos outros no Flickr ou em outros meios como revistas e escanners alegando autoria própria. Não preciso ser reduntante no assunto, todo mundo já sabe o que penso sobre isto. Finalmente encontrei gente que pensa como eu.... que bom, quem sabe um dia todas nós seremos criativas, torço por isto!
Para quem quer participar de um ring sobre o assunto e apoiar a questão é só clicar aqui. SOmente unindo forças poderemos esclarecer o quanto é importante tudo isto!

quarta-feira, 25 de julho de 2007

Linhas e Paninhos....

Separei algumas linhas e paninhos para o desafio da Leannes House, uma desenhista australiana que eu gosto muito. O desafio consiste em criar um journaling durante um ano para que depois o trabalho se transforme em um quilt... data para o início? Na próxima segunda feira!

O que precisa para o desafio: Muitos retalhos! , Freezer Paper, Caneta de tinta permanente para escrever no tecido, Rottary Cuttter, régua e mat, máquina de costura com pézinho de 1/4 (ou vc pode fazer à mão e costurar também). O topo total do quilt usa aproximadamente 5 metros de tecido, você pode selecionar qualquer tipo de tecido mas desde que dê leitura porque você irá escrever sobre ele. O tamanho final do quilt é de 64 x 93 polegadas, aproximadamente o tamanho de uma cama queen size. É claro que você poderá fazer menor ou maior, certo?

O restante do desafio você pode encontrar no próprio site da Leanne.

quarta-feira, 18 de julho de 2007

Chicken Party

Ah, então você também gosta de galinhas? Então, faça parte: Chicken Party! Não esqueça também de participar do Blog Chicken Party!
Este pattern você pode adquirir no Paper Panache

segunda-feira, 16 de julho de 2007

"O preconceito é o pior dos pecados"

Ao abrir minha caixa postal esta semana depois de uma longa temporada longe dos e-mails, me deparei com uma resposta a um pedido de associação a um grupo no Yahoo Groups. Mesmo eu havendo pedido minha desistência depois de 15 dias pois não recebia resposta, a dona do grupo respondeu que eu não poderia participar porque eu não compartilhava nada e que me conhecia de "outros carnavais".... Se ela me conhecia realmente de outro lugar sabe muito bem que sempre recebi a todas sem ver sua cara ou o que fazia na vida ou sua opinião , deixei por si só participar dos meus grupos para ver se encaixava a filosofia da pessoa ou não, se ela não gostasse, ela por si mesma chegaria a esta conclusão, mesmo eu sabendo e conhecendo muita gente que pensa totalmente ao contrário....

... "Por que eu fui abrir a boca ?" (Por Martha Medeiros)

Você foi alertada pela sua bisavó, pela sua vó e pela sua mãe: o silêncio é ouro. Mas não adiantou nada, como não vai adiantar quando você tentar passar essa máxima para sua filha. Mulher tem um certo descontrole verbal, está no nosso DNA. Você sai com as amigas e antes do segundo chope já está quebrando aquele juramento de nunca contar nenhuma novidade antes que ela se confirme. Desobedecendo a si própria, lá está você comentando sobre uma promoção que talvez pinte em novembro, sobre a azaração que talvez vire namoro, sobre a viagem à Patagônia que talvez você faça no final do ano. Não dá para amarrar a língua dentro da boca?
Menos mal que você está falando do que lhe diz respeito. O estrago começa quando a gente se põe a falar de uma amiga, quando a gente comete uma indiscrição relativa à nossa irmã, quando a gente entrega um segredo que era propriedade privada de outra pessoa. Tudo coisinha à toa, um comentariozinho de nada, fofoquinhas sem importância. Mas que ressaca que bate na manhã seguinte.
Você disse que detestou um filme cujo diretor é um de seus melhores amigos. Você espalhou que o marido da Fulana é campeão de grosseria e amanhã compartilharão a mesma mesa numa festa. Você admitiu que não suporta saraus e já freqüentou vários com o sorriso nas orelhas, sua falsa. Você entregou as três plásticas que sua cunhada fez no rosto e ela pediu tanto para que você não contasse. Escapou, ué. Quanta frescura, o que é que tem fazer plástica?Pra você pode não haver razão nenhuma para segredo, mas se alguém lhe contou algo em confidência, custa fechar a matraca? Não custa, mas nossa voz é rápida no gatilho, não lê as placas de advertência, quando vê, já avançou o sinal, já foi, está lá adiante. Rebobinar a fita, impossível. Fica então aquele gostinho azedo na boca, de quem não cometeu nenhum pecado grave, mas perdeu uma bela oportunidade de ser elegante.Reza a lenda que chiques são as mulheres que falam pouco. As econômicas. Aquelas que apenas sorriem, enquanto as outras, histéricas, falam todas ao mesmo tempo. Mulheres caladas, controladas, que nunca dizem algo inconveniente. Elas mantêm um ar enigmático. Dão a entender que já passaram pela fase de palpitar sobre tudo. Disseram o que tinha para dizer no divã do analista e, agora, mais maduras, descobriram a arte de escutar. Só dando na cara.
Eu sei, eu sei, puro recalque. E olha que eu nem tenho motivo para isto, no planeta de onde venho sou considerada até bem reservada. Mas, vez que outra, me empolgo e pronto: descambo para a tagarelice. Com a melhor das intenções, diga-se. Tudo em nome da honestidade. Por que eu confirmei que o cabelo dela está tenebroso? Porque ela perguntou, ora. Por que eu disse para ele não me ligar nunca mais? Porque naquela hora eu estava tomada pelo ódio. Mas agora eu quero!Em nome da honestidade, cometemos algumas indelicadezas e precipitações. Como sofre uma mulher: ela precisa ser autêntica e, ao mesmo tempo, discreta. Ter opinião, mas nunca dizer uma leviandade. Ser sábia, porém nunca imprudente.Na próxima encarnação, não quero vir honesta, nem desonesta. Quero vir muda. "....

É o preço que pagamos por sermos autênticas....com certeza meu travesseiro tem cheirinho de lavanda e durmo com os anjinhos.....e para quem me enviou e-mails com saudades, também estou com muitas.... ainda bem que existem pessoas como vocês nesta internet doida.

Depois de tudo isto, criei a citação: "O preconceito é o pior dos pecados".... realmente o é...

sexta-feira, 13 de julho de 2007

Férias de Julho...

Todo mundo imagina as férias de Julho com os dias amarrados, friorentos, um monte de chocolate quente , pão de queijo, entre outras coisinhas do inverno. Este ano com exceção de alguns dias, tivémos dias dignos de Verão e Primavera em Julho, com flores às pencas, principalmente no meu jardim, olhem meus Kalanchoes, não parecem que estão em pleno Verão?
Estamos em férias até o dia 16 onde volto a rotina de casa, enquanto isto, separo meus paninhos para fazer minhas sacolas de supermercado, compramos lixos coloridos para reciclagem e entramos de cabeça para tentar fazer algo pelo nosso planetinha, como usar os recursos naturais que temos com mais responsabilidade...
Já desenhei alguns trabalhos e nem sei por onde começar já que o meu caderno está cheio de idéias, o que me falta são mais braços... e uma máquina de lavar roupas nova (fiquei 45 dias sem uma da última vez que aconteceu um "probleminha')...
Enfim, para quem está de férias, curtam bastante!

Megartesanal 2007


Corujinha, originally uploaded by Andrea Mil Pontinhos.

Fui à Megartesnal no dia 05 de Julho e depois de passar 5 horas na feira ainda tinha muita disposição.... infelizmente a feira "encolheu" muito com relação ao ano passado. Faltaram muitas empresas que vi e este ano nem deram as caras. As grandes estavam com seus stands reduzidos, mas mesmo assim, as pessoas estavam muito animadas em fazer os cursos gratuitos. Os mais concorridos eram sem dúvida os da Gato Preto e da Coats Corrente. Pela redução dos stands não consegui entrar em muitos, mas eram muitos de São Paulo, então, posso visitá-los com mais calma. Adorei saber que a Telanipo agora já tem loja pois antes era só a Fábrica, nem precisa dizer que já dei um pulinho por lá na semana passada e comprei o que queria fora da Mega com preços muito mais em conta. No setor do Comércio da Megartesanal , infelizmente muitos stands, principalmente ateliês que copiam idéias americanas e australianas estavam com "leões de chácara" devidamente uniformizados para que ninguém tirasse uma foto sequer, nem do stand de longe... portanto, a escassez de imagens destes stands se dá ao respeito que tenho por avisos de " Proibido Fotografar" pregados em destaque nos satnds, mesmo sabendo que a maioria nem era criação deles, não tirei fotos....
Megartesanal 2007, foi bom, mas poderia ter sido meljhor, igual ao do ano passado!