sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

Simplesmente Sexta - Relaxamento para os pés






E finalmente, acabou o Carnaval! Para muita gente, a folia acaba ou o ano começa agora, para ambas as situações , esta dica da Simplesmente Sexta vai ajudar muito a cuidar dos seus pés.
As vezes nem sempre é possível se entregar as delícias de receber os cuidados de um profissional especializado na região dos pés, os reflexologistas por exemplo, até mesmo um day spa merecido daqueles devido ao custo elevado. Nossos pés merecem todos os cuidados para manter nossa saúde, nosso humor e o nosso bem estar, porém, na maioria das vezes, esta atenção acaba sendo esquecida.

O "escalda pés" é um tratamento muito antigo, muito utilizado especialmente pelas nossas avós. O objetivo deste ritual era aquecer os pés para tirar a friagem após uma caminhada na chuva, quando estamos gripados e principalmente, nas dores articulares. Porém, o termo "escalda pés" não é para mergulhar os pés em água muito quente pois na planta dos pés existem pontos de reflexo  que podem ser afetados e o uso de água quente ou fria em demasia não faz bem!



Então, aproveitando coisinhas que temos em casa podemos fazer deste ato um ritual semanal para relaxamento e cuidado com a sua saúde, que tal começar todas as sextas feiras à noite? Eu gosto de fazer somente o de água quente, mas o escalda pés verdadeiro também é feito com água fria para ativar a circulação e resistência do organismo.

Para um escalda pés relaxante você vai precisar de:
- uma pequena bacia (ou balde largo) para mergulhar seus pés até cobrir os tornozelos e que fiquem confortáveis (nada de ficarem um por cima do outro!). Coloque no fundo da bacia (ou balde) bolinhas de gude (isto mesmo, aquelas que seu filho brincava quando era pequeno e estão encostadas em algum armário!) e se você tiver algumas pedrinhas roladas de quartzo verde ou turmalina negra também ajudam no relaxamento.

- Muito importante: a temperatura da água! No verão pode ficar entre os 37
ºC e no Inverno aos 38ºC. Sempre verifique a temperatura da água com um termômetro, evitando queimaduras. Mas mesmo assim se você achar que está muito quente, respeite a sensibilidade da sua pele e faça a água "mais fria". A temperatura superior a 37ºC  é  contra-indicada para crianças, hipertensão, hipotensão, diabetes, problemas cardíacos e peles altamente sensíveis



- O principal ingrediente é o sal grosso (aproximadamente 4 colheres de sopa). É ele que relaxa e alivia as dores Se você tiver sal amargo, substitua uma colher de sal grosso por ele, A partir dele vamos acrescentar outros itens que você desejar e gostar, sugiro: pau de canela e cravo, rodelas de limão ( 3 unidades), 5 saches de chá de camomila ( se você tiver em natura também é ótimo!) e 10 gotas de extrato de própolis (é um excelente anti inflamatório).

Separado os ingredientes e água quentinha (mais ou menos 3 litros, vai depender do tamanho da sua bacia), deixe o ambiente preparado para facilitar sua terapia, escute uma música que você goste e diminua a intensidade de luz do ambiente. Misture todos os ingredientes e mergulhe os pés de 15 a 20 minutos. Se achar que água esfria muito rapidamente, adicione um pouco mais de água quentinha para manter a temperatura (tenha sempre uma pequena chaleira perto de você , assim, você não precisa tirar os pés da bacia!).

Quando está muito calor de dia, faço um escalda-pés com água fresca , rosas (em pétalas ou em essência) e pequenas pedras de gelo. A água não pode ficar gelada. Mantenha os pés na água de 15 a 20 minutos. Caso queira, pode-se acrescentar ervas como menta ou camomila. Não utilizo o sal grosso neste caso.

Passado o tempo do escalda pés, seque-os muito bem e passe um creme hidratante. Repita seu ritual toda semana para beneficiar-se e sinta a melhora com o tempo. Eu não abro mão do meu!

Existe no mercado uma gama enorme de "escalda pés" prontos, em sachês, potinhos e etc. você também pode testar e escolher qual mais gosta! Definitivamente "eu adoro!" ;-)